Quais ferramentas de portais corporativos vocês utilizam?

- Jboss Portal
- IBM Websphere Portal
- Oracle Portal
- Jetspeed
- Pluto
- Microsoft Share Point
- Liferay
- eXo Platform

Gerenciadores de conteúdo
- OpenCMS
- Alfresco

Exibições: 195

Respostas a este tópico

OpenCms a 5 anos, eu sou suspeito para falar, por que sou um fã do OpenCms e é o que tenho me especializado, desde que comecei a trabalhar no OpenCms 5 em 2004... É um grande sistema de gestão de conteudo, com integração (Se necessario) com o JBoss Portal, a interface lembra muito o Windows Explorer, a ideia de criação de arquivos usando formularios modelos (XSD), e templates jsp para exibir, tem integração com JSF e Struts, mas tem uma API muito poderososa tambem, todo desenvolvido em java, suporta ser instalado em mais de 20 bancos de dados diferentes...

Para mais informações, podem entrar aqui www.solutioncms.com ... eu mantenho tambem a Comunidade OpenCms Brasil!

Abraços,

Deivs
Atualmente trabalho no nícleo de portais com opencms 7.0.5, ele como gerenciador de conteudo é o mais eficaz, mas para produtividade ainda não é. Um teste que fiz com o opencms é pegar a Framework JSF e criar uma ponte com o opencms, assim ele fica padronizado e o ganho de produtividade é maior. Lembrando que usei a versão BETA do red hat developer, que possui a pallet de criação de interfaces.

Grato
Paulo

Espero que meu comentario tenha sido valido para ganho de conhecimento.
Já trabalhei com um framework que achei muito interessante que é o Liferay, atualmente ele tem, wiki, cms, gerenciamento de arquivos entre muitas outras coisas, além disso achei a arquitetura dele muito flexivél, pois ele te permite trabalhar com 2 ou 3 camadas, permite extensão, customização, trabalha com webservice, ejb, hibernate, integração com ldap, email e mais um serie de coisas interessantes, você pode por exemplo fazer as configurações após feito o deploy em tempo de execução, como mudança tema customização para um portlet específico.
Resumindo é uma ferramenta muito poderosa e interessante.
Trabalho atualmente em um projeto de implantação de um portal corporativo da IBM, o IBM Websphere Portal Enterprise em uma grande companhia de Minas Gerais. Estou gostando do conjunto de ferramentas disponibilizadas pelo produto, ainda que apresente alguns (pequenos) problemas de compatibilidade com alguns browsers mais específicos, como por exemplo o Safari, rodando em plataforma MAC.
Opa Paulo,

É delicado e complicado tratar essa questão de produtividade por que não depende unicamente da ferramenta, envolve outros aspectos (tanto tecnicos quanto humanos) muitas vezes está ligada ao conhecimento/experiencia de cada pessoa e boas praticas de programação, metodologia principalmente, maturidade no processo de desenvolvimento de projetos de portais, padronização na maneira de programar, avaliar até onde é interessante encapsular as coisas ou não, utilizar taglib e não usar scriplet (Codigo Java dentro do JSP) e é um trabalho que tem que ser realizado em por TODA equipe, tem quer tem um alinhamento, e um acompanhamento com reuniões tecnicas, com envolvimento da gerencia para ajudar a equipe, existem diversas praticas que ajudam demais na produtividade, por exemplo, implementação do Pair Programming (programação em pares, da metodologia eXtreme Programming), trabalhei durante 1 ano como pesquisador do CNPQ (DTI-3), em uma empresa que estava desenvolvendo um projeto de um plugin para o eclipse inovador muito bacana, que gerava codigo em varias arquiteturas, baseado em cadastro de caso de uso e diagrama uml (usava tecnologia EMF, GEF e ideias e principios MDA), nós utilizavamos essa pratica do pair programming (xp), você não tem noção da explosão de produtividade que era, e o conhecimento era compartilhado, e todos sabiam um pouco de tudo do projeto, por causa do rodizio das duplas, é alta produtividade mesmo... eu defendo demais a utilização do pair programming... por que eu experimentei e a produtividade foi alta demais... e a diminuição de erros inseridos no codigo foi menor...

O fato do OpenCms ser 100% open-source e desenvolvido em Java, com a capacidade de fazer integração com modulos, permite criar modulos componentizando, a questão da produtividade está vinculada principalmente na maneira de programar, e tambem na visão arquitetural de projetos, muitas vezes o projeto tem erros de arquitetura e depois é programado não usando as melhores praticas de programação, e depois é necessario refazer tudo de novo para melhorar a legibilidade do codigo e dividir melhor em camada, MVC, mas é vivendo e aprendendo com as experiencias! Estamos em constante evolução! Não podemos é parar o tempo e deixar de buscar melhorar cada dia mais!

Nós fizemos alguns testes do OpenCms + JSF mas muito superficiais, vamos ver se fazemos algo mais profundo e geramos um relatorio com a conclusão dos prós e contras, mas identificamos que o OpenCms implementa muitas ideias do JSF, como a herança de templates e partes de templates,, mas até acredito que existem perguntas que é necessario uma analise mais profunda, por exemplo, até onde o JSF iria melhorar a produtividade dos projetos?

É necessario verificar o que se ganha e o que se perde, por que pode ser que se ganha em alguns lados, porem se perde em muitos outros... A tendencia que eu vejo, é diminuir a complexidade

Mas eu acho que é esse o caminho mesmo, gostei da sua observação, é identificar pontos que podem ser melhorados, e procurar para ver se já existe esforço para a melhoria, talvez tem um cara lá na china já desenvolvendo algo x ou y, ou já tem um modulo que faz x ou y integrar com z para conseguir suprir uma determinada demanda!

Como desenvolvedores de uma plataforma livre, que é Java, e principalmente de trabalharmos em uma ferramenta que nos dá a oportunidade e privilegio de olhar o codigo-fonte, acredito que não devemos apenas pensar em usufruir do framework, mas contribuir (desenvolvimentodamente(!) falando) para a melhoria do mesmo tambem!

Maravilha! Abração Brother...

Paulo Vitor Pereira Cotta disse:
Atualmente trabalho no nícleo de portais com opencms 7.0.5, ele como gerenciador de conteudo é o mais eficaz, mas para produtividade ainda não é. Um teste que fiz com o opencms é pegar a Framework JSF e criar uma ponte com o opencms, assim ele fica padronizado e o ganho de produtividade é maior. Lembrando que usei a versão BETA do red hat developer, que possui a pallet de criação de interfaces.
Grato Paulo Espero que meu comentario tenha sido valido para ganho de conhecimento.
O Deiverson concordo com tudo isso, mas como falei a experiência que tive com as duas framewors é apenas válido como prova de conceito e ganho de conhecimento. Agora referente as tecnicas de desenvolvimento para a equipe no todo achei bacana a parte de programação em pares, fiquei sabendo que a MSA que é nível 3 do CMMI usa este tipo desenvolvimento. Mas o restante acho que o arquiteto da equipe vai avaliar e no direcionar para o caminho certo.

Pessoal espero que todo o conhecimento que vamos adquirir aqui seja um bom fruto para colhermos no futuro.

Grato
Paulo
Paulo,
pesquisei as especificações técnicas do Liferay parece bom mesmo. Valeu a dica! Já o incluí na lista. :-)

Paulo Henrique Trecenti disse:
Já trabalhei com um framework que achei muito interessante que é o Liferay, atualmente ele tem, wiki, cms, gerenciamento de arquivos entre muitas outras coisas, além disso achei a arquitetura dele muito flexivél, pois ele te permite trabalhar com 2 ou 3 camadas, permite extensão, customização, trabalha com webservice, ejb, hibernate, integração com ldap, email e mais um serie de coisas interessantes, você pode por exemplo fazer as configurações após feito o deploy em tempo de execução, como mudança tema customização para um portlet específico.
Resumindo é uma ferramenta muito poderosa e interessante.
Marcio,
O Websphere Portal tem diversas ferramentas para desenvolvimento. Você está usando o próprio gerenciador de conteúdo do portal, ou está criando portlets?

Se estiver criando portlets você está usando RAD (Rational Application Developer), RSA (Rational Software Architect) ou o WPF (WebSphere Portlet Factory)?


Marcio Andrade Silva disse:
Trabalho atualmente em um projeto de implantação de um portal corporativo da IBM, o IBM Websphere Portal Enterprise em uma grande companhia de Minas Gerais. Estou gostando do conjunto de ferramentas disponibilizadas pelo produto, ainda que apresente alguns (pequenos) problemas de compatibilidade com alguns browsers mais específicos, como por exemplo o Safari, rodando em plataforma MAC.
Uma opção fantástica também é o Alfresco. Ele é uma suíte para Portal + CMS muito boa, estive numa apresentação técnica do produto semana passada, feita pro gerente técnico da Alfresco. Em conjunto com o JBoss Portal, esse camarada dá show de bola.

Em suma, o Alfresco é a estratégia oficial de CMS da Red Hat, o JBoss Portal é muito mais um portlet framework do que uma solução de CMS. Analisando o ponto "Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa" nas suas respectivas funções, são produtos excelentes!

Abraços,

RF
Estamos implantando o OpenCMS aqui na ALMG. Vamos ver no que dá. Por enquanto só dor de cabeça. Mas isso é normal no início de qualquer projeto.
Já no mundo Microsoft o que me chama bastante a atenção é a utilização do Sharepoint, pois é de fácil utilização, fácil desenvolvimento, pois pode-se utilizar o visual studio para os webparts, para formulários pode-se utilizar infopath (que é uma ferramenta fantástica para um usuário final com um pouco mais de conhecimento, fora a total integração com a plataforma office.
O sharepoint possui uma grande comunidade de desenvolvedores e utilizadores, facilitando assim a rede de informação como base de conhecimento, além de já possuir uma grande quantidade de componentes já desenvolvidos e de comunidades de suporte.
Atualmente estou iniciando um projeto utilizando eXo Platform. Conhecem algum case em eXo?

RSS

Evento TDC2018

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Adriano Tavares.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço